Estratégias de marketing não podem ser direcionadas apenas no produto, uma vez que é importante chamar a atenção do consumidor como um todo. É preciso entender seu comportamento para atender suas necessidades e desejos. Nesse contexto, a psicologia das cores é um ponto chave para aumentar as vendas, seja em uma loja física ou e-commerce.

A psicologia das cores no marketing

Órgãos sensoriais apresentam a função de transmissores de estímulos que o consumidor recebe com intuito de atrair sua atenção. A partir daí, é possível perceber que as cores desempenham um papel importante no cotidiano das pessoas. Elas interagem animando, transformando, modificando o ambiente e agindo diretamente no comportamento, de forma a gerar paz, alegria, vontade de comer, entre outras reações. Trata-se de uma linguagem não verbal que deve ser aproveitada pelo marketing.

Um estudo conduzido pela KISSMetrics (companhia americana de análises da web) mostrou que 85% dos consumidores definem a cor como o principal motivo para comprar um produto em particular. 80% acham que a cor determina o reconhecimento da marca e 93% dão mais importância ao visual e à cor do produto ao comprarem.

Porque as cores são importantes no comportamento do consumidor

Antes de tudo é preciso compreender que as cores influenciam diretamente nas decisões dos consumidores e alguns estudos comprovam sua importância. Veja alguns dados:

  • 93% dos consumidores levam em conta os aspectos visuais do produto;
  • 80% dos consumidores que simpatizam com uma determinada marca e se lembram dela apenas quando a mesma possui as cores da sua preferência;
  • 42% dos consumidores online decidem comprar conforme com o design e as cores de um site;

Como é possível avaliar, as cores e seus significados são determinantes para o sucesso ou fracasso do empreendimento. Lojistas e empresas precisam compreender que despertar os sentidos facilita sua relação com os produtos.

Dessa forma, no ponto de venda tudo deve ser estudado: luzes amarelas sobre alimentos de cor clara, luz rosada sobre as carnes, música de fundo, entre outros estímulos… Tudo deve ser feito para estimular os sentidos do consumidor e fazer com que ele se sinta à vontade no interior da loja.

Como as cores influenciam no comportamento

Muitas vezes, a lembrança de uma determinada cor pode estar associada a uma experiência vivida pela pessoa e armazenada em seu cérebro. Também é possível determinar que as pessoas apresentem reações diferentes conforme a cor é exposta, sendo indispensável seu uso como caráter benéfico e catalizador para despertar essas reações. Isso porque as cores proporcionam ao indivíduo associações de natureza afetiva e material. Veja alguns exemplos:

  • Azul – Corresponde ao período de 40 a 50 anos. Idade que se pressupõe o pensamento e inteligência. Segundo a psicologia das cores, o azul passa confiança e a sensação de segurança.
  • Vermelho – Corresponde à fase da vida entre 1 a 10 anos. Idade da efervescência e da espontaneidade. Muito utilizada em promoções de lojas, pois é uma cor motivadora.
  • Laranja – Corresponde à fase da vida entre 10 a 20 anos. Idade da imaginação, aventura e excitação. Motiva o consumidor a agir, comprar e adquirir. 
  • Amarelo – Corresponde à fase de 20 a 30 anos. Idade da força, do poder e da arrogância. Quando empregada chama mais a atenção dos consumidores.
  • Verde – Corresponde à fase de 30 a 40 anos. Idade em que há uma diminuição do fogo juvenil. Usada para relaxar, a cor verde está associada à fortuna.
  • Roxo – Corresponde à fase além dos 60 anos. É a idade da experiência, do saber e da benevolência. O roxo acalma e suaviza o ambiente.

A importância de uma boa ambientação

A atmosfera do ponto de vendas que atende a proposta do segmento em que atua, no que concerne as cores e o layout, aumenta o tempo de permanência do consumidor em seu interior e as chances dele retornar. Nesse contexto, o consumidor passa a receber mais estímulos sensoriais e está mais suscetível a comprar mais itens, desde que os produtos oferecidos, preço, condições de pagamentos e outras variantes sejam capazes de satisfazer as necessidades e os desejos do consumidor.

Existe um conjunto de questões e elementos que viabilizam a decisão de compra, que se inicia no atendimento, passa pelo relacionamento, pela qualidade dos produtos oferecidos e outros elementos. Entretanto a atmosfera da loja deve ser objeto de pesquisa e explorada para garantir as condições mais adequadas para contribuir com o resultado das vendas.

Gostou do artigo? Diga o que achou sobre ele e nos dê sugestões para que possamos oferecer conteúdo relevante e de seu interesse!